Canal:
QUALIDADE DE VIDA

 


ITÁLIA TEM MAIS CURADOS DO QUE CASOS ATIVOS PELA 1ª VEZ
 
 . REGIS

    
País também apresenta queda recorde desde a última terça-feira; Ao todo, são 91.528 casos ativos de covid-19 e 93.245 de curados
    
             

  

 

De acordo com balanço divulgado nesta quarta-feira (6) pela Defesa Civil, 93.245 pessoas já estão recuperadas da covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, após um crescimento recorde de 8.014 curados em apenas 24 horas.

Segundo a Defesa Civil, parte desse resultado se deve a uma "atualização nos dados da Lombardia referentes a dias anteriores". Por outro lado, o país soma agora 91.528 casos ativos (que descartam mortos e curados), depois de uma queda - também recorde - de 6.939 desde a última terça (5).

Até o momento, a Itália já registrou 214.457 casos do novo coronavírus e 29.684 óbitos, sendo que 1.444 (+0,7%) contágios e 369 (+1,3%) mortes foram contabilizados em um dia. Do total de casos ativos, 1.333 pacientes estão em UTIs, 15.769 estão internados fora da terapia intensiva; e 74.426 cumprem isolamento domiciliar.

Reabertura
O país iniciou na última segunda-feira (4) um cronograma de reabertura gradual das atividades sociais e produtivas para tentar construir uma espécie de nova normalidade e se adaptar à convivência com o Sars-CoV-2.

Apesar das pressões de governadores de oposição, de comerciantes e até de parte da base aliada, o primeiro-ministro Giuseppe Conte preferiu ser cauteloso, temendo que um recrudescimento nos contágios force um recuo nas medidas de reabertura.

A principal novidade do ponto de vista social foi a liberação de visitas a parentes ou relações amorosas, desde que respeitadas normas de distanciamento físico e de higiene e que ocorram dentro da mesma região.

O governo também permitiu a reabertura de parques e a prática de atividades esportivas longe da própria casa, bem como sessões de treinamento de atletas profissionais de forma individual - treinos coletivos só serão autorizados a partir de 18 de maio.

No campo produtivo, foram reabertos os setores de manufatura, construção civil e o comércio por atacado necessário para essas duas atividades. Já o varejo voltará ao trabalho em 18 de maio, bem como museus e bibliotecas.

Restaurantes agora podem funcionar com serviços de comida para viagem, mas só devem receber clientes para consumo no local a partir de junho. Funerais também estão permitidos, condicionados ao limite de 15 participantes, à medição da temperatura corporal e ao uso de máscaras.


06/05/2020 - Terra
Foto: 
ANSA