Canal:
QUALIDADE DE VIDA

 


PREFEITURA DE RIBEIRÃO FECHA 32 LEITOS DE UTIs COVID
  . REGIS1

    
A cidade começou o mês com 250 leitos nas alas covid-19 e tem, atualmente, 218 em todos os hospitais; taxa de ocupação subiu para 78,90%
     
                               

  



Dos 250 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) disponíveis em 6 de agosto para pacientes contaminados pelo novo coronavírus, data em que Ribeirão Preto avançou no Plano São Paulo e entrou na fase amarela de flexibilização, 32 foram atualmente fechados.

A plataforma leitoscovid.org, atualizada às 13h30 desta sexta-feira (28), mostra que a cidade tem 218 vagas de internação em todos os hospitais públicos e privados e 172 deles estão cheios. Isso quer dizer que a taxa de ocupação das alas reservadas para o tratamento da covid-19 é de 78,90%.  

Procurada pelo ACidadeON, a Secretaria Municipal de Saúde informou que a redução aconteceu por conta da baixa de pacientes no setor de terapia intensiva e que o monitoramento da evolução da pandemia é feito diariamente pelos órgãos competentes.  

Quantos aos impactos que essa média próxima aos 80% de lotação pode acarretar nas próximas avaliações do Estado, em relação ao planejamento de retomada das atividades econômicas, a pasta disse apenas que vai "aguardar a manifestação do governo".  

Índices no laranja  
Ainda de acordo com a plataforma leitoscovid.org, a taxa de ocupação de leitos mais atualizada é compatível com os índices da fase laranja do Plano São Paulo, um pouco mais restritiva que a vivida pela população há três semanas, do que os da amarela.  

Vale lembrar, no entanto, que esses números são referentes apenas ao município de Ribeirão Preto e que as autoridades estaduais consideram as taxas apresentadas por toda a região. A DRS (Distrito Regional de Saúde) é composta por 25 cidades do entorno.

  

  

28/08/2020 - ACidadeON
Foto: 
Divulgação / ACidadeON