Canal:
QUALIDADE DE VIDA

 


SP MANTÉM FASE VERMELHA, MAS NÃO DESCARTA MEDIDAS MAIS RÍGIDAS EM BREVE
     . REGIS

    
Especulação de uma possível "Fase Roxa" ainda não foi confirmada

                                

  


O governador João Doria (PSDB) anunciou, nesta quarta-feira, 10, que todo o Estado permanece na Faixa Vermelha do Plano São Paulo, porém não descarta a aplicação de medidas mais rígidas em breve.  A especulação de uma possível "Fase Roxa" ainda não foi confirmada pelo governo.

"Infelizmente, mas infelizmente mesmo, estamos em uma situação de alerta máximo no Estado de São Paulo. [...] Hoje estamos chorando recordes sucessivos de brasileiros mortos. A gravidade dos novos casos exige mais tempo de internação isso sobrecarrega hospitais e limita a rotatividade de leitos", ressaltou Doria.

Paulo Menezes, coordenador do Centro de Contingência da Covid-19 do Estado, acrescentou que medidas mais rígidas não foram descartadas. Segundo ele, contudo, os resultados da Fase Vermelha decretada no último sábado devem aparecer dentro de uma semana e meia até duas. 

Além disso, Menezes explicou que o governo do Estado mantém o estudo de medidas mais rígidas, se o número de casos, internações e óbitos continuar subindo. "Aqui nós não escondemos a realidade. É duro, é difícil e impopular, mas fazemos tudo o que for possível para poupar vidas", acrescentou Doria.

Desde que foi implantado o Plano São Paulo, o governo paulista tem convocado coletivas às sextas-feiras para anunciar as reclassificações. Porém, nessa semana, a coletiva foi antecipada para a quinta-feira, 11. 

Situação
Na manhã desta quarta-feira, 10, Ribeirão Preto registra taxa de ocupação perto dos 90% nos leitos de UTI Covid e, também, de enfermaria. Segundo a plataforma LeitosCovid, que é atualizada pelos próprios hospitais da cidade, dos 227 leitos de UTI para tratamento de pacientes com coronavírus, 198 estavam ocupados nesta manhã, taxa de 87% Sendo 152
respiradores em uso.

Nas enfermarias, dos 210 leitos disponíveis para a doença, 183 estavam ocupados, com taxa de 87%, e dois respiradores em uso.

Nos hospitais públicos, as taxas de ocupação estavam em 89% nas UTIs nesta manhã e de 82% nas enfermarias. Os hospitais privados têm 87% de ocupação das UTIs e 89% nas enfermarias.

Ribeirão e as 25 cidades que fazem parte da DRS XIII estão hoje, como todo o estado, na Fase Vermelha do Plano SP, a mais restritiva e que permite o funcionamento apenas de serviços essenciais. 

 


  

10/03/2021 - Revide
Foto:  Divulgação