Canal:
QUALIDADE DE VIDA

 

    
AULAS SÃO SUSPENSAS EM SERRANA APÓS MORTE DE DIRETORA POR COVID
     . REGIS   

        
Aulas presenciais em Serrana, na região de Ribeirão Preto, podem ser realizadas com 50% de capacidade
   
          

 

  


As aulas da rede municipal de ensino de Serrana, município a 20 quilômetros de Ribeirão Preto, foram suspensas por dois dias depois da confirmação da morte de uma diretora, em decorrência da covid-19. 

A vítima é Silvia Helena de Castro Martins, de 48 anos, que era diretora da escola municipal Jardim Dom Pedro I. De acordo com a secretaria da Educação de Serrana, Isabel Zamboni, Silvia não teve contato com alunos, professores e outros funcionários da unidade.  

"Ela estava de férias. Ela não estava de trabalho faz uns 11, 12 dias. Hoje nós paralisamos todas as unidades no município inteiro. Amanhã também. Mas, depois nós vamos estar seguindo, porque ela não teve esse contato na escola", declarou em entrevista para rádio CBN Ribeirão.  

Serrana retomou as aulas presenciais na rede municipal ainda em julho. As unidades de ensino podem funcionar com até 50% de capacidade -- a regra também é válida para as escolas das redes privada e estadual.  

No início de agosto, três escolas chegaram a ter as aulas suspensas, após seis alunos terem sido diagnosticados com covid-19. Após período de quarentena, as unidades de ensino voltaram ao funcionamento normal.  

De acordo com Isabel Zamboni, atualmente não existe nenhuma suspeita de estudantes infectados com a doença. A secretaria afirma que um aplicativo foi disponibilizado para que a prefeitura possa acompanhar os sintomas da doença em alunos.

 


19/08/2021 - ACidadeON
Foto:  Pixabay